De autoria do vereador Delegado Wellington, programa “Criança Segura” segue para sanção do prefeito

O Projeto de Lei 9.244/19 que institui o programa “CRISEG” de autoria do vereador Delegado Wellington (PSDB), juntamente com os vereadores João Cesár Matogrosso e Epaminondas Neto (Papy), foi aprovado em segunda discussão durante a sessão ordinária de terça-feira (27).

O projeto tem por objetivo caracterizar, viabilizar, estabelecer, implantar e promover o cadastramento das crianças dos pais ou responsáveis, onde as informações serão disponibilizadas automaticamente em uma plataforma digital, facilitando assim, a localização das crianças em caso de desaparecimentos em eventos públicos em Campo Grande.

“Objetivo principal da proposta é dar mais tranquilidade para que os pais e responsáveis desfrutem de qualquer evento no município de Campo Grande de uma forma mais tranquila, sem correr o risco da criança se perder. O banco de dados com informações e caraterísticas das crianças e dos pais facilita a identificação em caso de desencontros ou perdas”, relata Delegado Wellington.

De acordo com o Conselho Federal de Medicina (CFM), que desenvolve desde 2011 uma campanha nacional de combate ao desaparecimento de crianças, somente no Brasil, são registrados 50 mil casos por ano de desaparecimento de crianças por ano.