Com emenda do vereador Delegado Wellington, projeto que cria o mapa da violência é aprovado na Câmara Municipal

Foi aprovada na Câmara Municipal de Campo Grande, nesta quinta-feira (13), a criação de um mapa da violência na cidade, para ser preenchido com informações sobre ações municipais e contemplar banco de dados com tipificações criminais. O projeto de lei teve emenda incorporada pelo vereador Delegado Wellington (PSDB) e assinado por todos os parlamentares.

De acordo com o projeto, o mapa será fundamental para demonstrar o andamento da criminalidade e poderá qualificar as operações de combate ao crime. A partir da coleta de dados, será feita uma formação técnica para que diminuição da violência.

O vereador Delegado Wellington, presidente da comissão permanente de segurança pública acrescentou uma emenda modificativa ao projeto, inserindo mais critérios mínimos que deverão estar presentes no mapa da violência municipal, de modo a deixar mais completo as informações, possibilitando, futuramente, a criação de políticas públicas de qualidade à população campo-grandense.

Os critérios inseridos foram: Georreferenciamento das ocorrências que envolvam práticas violentas atendidas pelo município; Tipificações criminais das ocorrências; Relatório específico tratando acerca dos delitos que envolvam os grupos de maior vulnerabilidade, como mulheres, crianças, adolescentes e idosos; Ações de segurança realizadas entre as sete regiões da capital.

A proposta ainda será discutida em segunda votação e, posteriormente, analisado pela Prefeitura de Campo Grande.